ESTRADA DO AMOR

Autor: Genésio Cavalcanti Seja Bem Vindo Ao Blog - Ser Poeta : »
Veja



Quantas estradas
Segui abandonadas
Sempre a tua busca
Trilhando caminhos
Em linhas separadas

Percorri todo o mundo
Do caminho mais breve
Por atalhos indeléveis
Buscando teu amor
Numa dor que se atreve

E quando meus olhos
Suspiraram solidão
Perderam-se no outono
Das flores em botão
Aquecendo meu amor
E o meu triste coração

Te encontrei afinal
No Monte Olimpo
Na morada dos deuses
Onde todo o abissal
Foi a mim ofertada
E servida na bandeja
Minha deusa colossal

Deixe seu comentário

    Obrigado!

    Obrigado!

    Agradeço por sua presença nessa
    viagem que fizemos juntos...
    Espero outras vezes navegarmos,
    neste mesmo sonho!

    Curta Nossa Poesia