QUE DOBREM-SE OS JOELHOS!

Autor: Genésio Cavalcanti Seja Bem Vindo Ao Blog - Ser Poeta :
Veja



Que dobrem-se os joelhos
Em sacrifício e penitencia
Como prova de arrependimento...
Pelas 'faltas' da nossa existência!
Que arremetam-se aos céus
Todos os pedidos de perdões
Sem falsidades nas declarações...
E que seja para nós o sofrimento
Forma mais sublime de aprendizado!
Sendo benéficas nossas orações
Amenizam-se dores, pertubações
Para que mais tarde não implique...
Em sucessivas lamentações!

Genésio Cavalcanti
Palmares, hoje e sempre!
Preserve os direitos do autor!

Deixe seu comentário

    Obrigado!

    Obrigado!

    Agradeço por sua presença nessa
    viagem que fizemos juntos...
    Espero outras vezes navegarmos,
    neste mesmo sonho!

    Curta Nossa Poesia