AMOR DELIRANTE

Autor: Genésio Cavalcanti Seja Bem Vindo Ao Blog - Ser Poeta : »
Veja




                            Ninguém nessa vida           
Ousou amar como nós
Nosso amor suplantou
Todas as fronteiras
E de tão lindo que era o amor
Fez-se  todas as maneiras
Nas manhãs de inverno
Nossos corpos se doaram
Entrelaçados de amor
Esquentamos o gelado frio
E esse amor foi tão forte
Que fizemos aparecer
O sol na manhã primaveril
Nas tardes de outono
O outro dia se foi
Lindo como nosso sonho
A vagar no infinito
Deixando para trás
As intempéries da natureza
E nos doamos ainda mais
Nas noites de verão
Deixamos que o calor
Transbordasse nosso leito
E no fulgor dos amantes
Saciei no teu peito
Desvirginando a noite
Em sonhos de amor delirante!

Genésio Cavalcanti
Palmares, hoje e sempre!
Preserve os direitos do autor!

Deixe seu comentário

    Obrigado!

    Obrigado!

    Agradeço por sua presença nessa
    viagem que fizemos juntos...
    Espero outras vezes navegarmos,
    neste mesmo sonho!

    Curta Nossa Poesia